É possível gerar leads pelo LinkedIn? Se você achou que a rede serve apenas para buscar emprego e divulgar vagas, sinto dizer que estava equivocado. 

A rede social que hoje já conta com mais de 900 milhões de usuários também é um ótimo canal para melhorar seus resultados de conversão e vendas.

Pensando nisso, nós preparamos aqui algumas estratégias infalíveis para você entender como gerar leads pelo LinkedIn e aproveitar ao máximo essa rede. 

Muitos dos seus futuros clientes – principalmente se você for uma empresa B2B – estão usando o LinkedIn nesse exato momento.

As possibilidades de conversão são imensas 🤯

Siga no texto e saiba como o LinkedIn pode diferenciar você dos concorrentes e impulsionar sua geração de leads!

O LinkedIn é Bom para Gerar Leads?

O LinkedIn é Bom para Gerar Leads?

Bom, como já dei um leve spoiler acima, o LinkedIn conta com mais de 900 milhões de usuários e o número vem crescendo.

Só no Brasil, podemos contar com mais de 63 milhões de pessoas na rede social.

No mapa abaixo conseguimos entender melhor a proporção do LinkedIn:

Mapa Linkedin

Apenas com os números de usuários já podemos perceber que gerar leads pelo LinkedIn é uma boa ideia, mas tem mais!

Passando para dados mais densos, no livro The Sales Burn-out Survival Guide, Dan Driscoll observou que 80% dos leads B2B vêm do LinkedIn, enquanto apenas 13% vem do Twitter e 7% do Facebook.

Isso representa que, em comparação com essas outras redes,  4 em cada 5 leads vêm do LinkedIn.

Para fechar nossos argumentos – com dados – que comprovam que o LinkedIn é sim bom para gerar leads, vamos falar sobre os profissionais de marketing – o que eles preferem?

Um relatório da DemandWave, State Of B2B Digital Marketing 2016, apontou que 59% dos profissionais de marketing B2B geram leads no LinkedIn, a rede social ganhando disparado das demais, veja no gráfico abaixo:

DemandWave, State Of B2B Digital Marketing 2016

E aí, convencido de como gerar leads pelo LinkedIn pode ser vantajoso para o seu negócio?

Agora, vamos conhecer as estratégias infalíveis para que isso aconteça!

🔎Leia também: Como Gerar Leads B2B? As Estratégias Mais Atuais

7 Estratégias para Gerar Leads no LinkedIn

7 Estratégias para Gerar Leads no LinkedIn

Mesmo que o LinkedIn seja um ótimo canal para gerar leads, é importante prestar atenção nas estratégias abaixo, afinal, a rede social não trabalha sozinha.

Você vai descobrir que encontrar sua audiência é um dos trabalhos mais difíceis.

Mas uma vez que você a identifica com clareza e determina estratégias para gerar leads pelo LinkedIn, o trabalho fica muito mais fácil e com mais garantias de resultados.

É como uma curva de aprendizado muito íngreme: no começo é difícil, mas os resultados são surpreendentes. 

Veja só como se destacar e gerar cada vez mais leads no LinkedIn: 

Ter um perfil corporativo bem organizado

Sabemos que não podemos julgar um livro pela capa, mas querendo ou não, a primeira impressão é a que fica.

Por isso, é importante que você sempre esteja analisando o seu perfil e fazendo pequenos retoques, como manter as informações atualizadas, colocar uma capa coerente com o seu negócio, deixar apenas as informações essenciais de forma clara e objetiva, criar uma boa descrição etc.

Lembre-se que seu perfil é a porta de entrada da sua empresa, então, se quiser que o usuário siga na página, a mantenha convidativa.

🔎Leia também: Como fazer uma página de captura de leads + 3 exemplos

Ter o material certo

Não vá pensando que qualquer tipo de conteúdo, seja artigo, vídeo, post, legenda ou InMail serve para essa rede social.

O LinkedIn exige um nível de material alto, até porque você está falando com pessoas do meio corporativo, bombardeadas constantemente pelo marketing de outras empresas. 

É necessário analisar seu público através do LinkedIn Analytics para entender qual tipo de material faz mais sentido

Lembre-se de criar seus materiais baseado na sua persona e no comportamento do usuário, do contrário, você não vai gerar leads.

Pedir para colaboradores compartilharem lead magnets

Você criou um e-book, está produzindo artigos para o LinkedIn, vai fazer um Webinar ou fez qualquer outro tipo de Lead Magnet?

Bom, não perca tempo, e já peça para os seus colaboradores compartilharem esse material.

Dessa forma você alcança um público maior e aumenta as chances de gerar leads.

Você pode até criar algumas mensagens padrão diferentes e enviar para os e-mails de quem trabalha com você, indicando a importância dessa estratégia. 

Ter um porta voz da sua empresa

O ato de humanizar as empresas está se tornando cada vez mais recorrente.

Essa estratégia é focada em dar um rosto a sua marca, mostrar que tem uma pessoa por trás dos conteúdos, anúncios e posts.

A idéia é simples: ao invés de criar só um perfil da sua marca no LinkedIn e compartilhar os materiais só nela, a presença mais forte vai ser de uma pessoa chave na empresa: o dono, o filho do dono, o CMO ou pessoas mais seniores, que trabalham lá há muito tempo e são reconhecidas no segmento de atuação.  

A partir dessa estratégia você vai transmitir uma vontade genuína de ajudar outras pessoas, pois estará humanizando suas ações e se aproximando ainda mais do público.

🔎Leia também: Marketing de influência: o que é, por onde começar e FAQ

Buscar networking quando possível

A geração de leads não precisa ser um processo sozinho, você pode contar com parceiros para aumentar seu público e atingir novos usuários.

Não estou falando apenas de se conectar com outras pessoas, mas manter relacionamentos, utilizar as redes sociais para se aproximar, trocar experiências e ideias, este é o real networking que deve ser prezado.

Usar o Sales Navigator e o LinkedIn Premium

O LinkedIn Sales Navigator é uma ferramenta de prospecção que permite a realização de pesquisas avançadas de leads e empresas, além de oferecer sugestões personalizadas com indicação de leads

Ou seja, a plataforma perfeita para ajudar você a gerar leads pelo LinkedIn. 

Não parando por aí, você também pode aproveitar o LinkedIn Premium que oferece a você dados, estáticas e informações únicas sobre os leads.

Ele também oferece a possibilidade de investir no InMail, que é o serviço de mensagens da rede social.

Faça anúncios pelo LinkedIn

Por fim, não podemos deixar de falar sobre o LinkedIn Ads!

A plataforma de criação de anúncios do LinkedIn vai permitir que você:

  • Atinja um público amplo, influente e disposto a comprar;
  • Aproveite uma segmentação poderosa para alcançar leads qualificados;
  • Impulsione principalmente os negócios B2B.

Além desses benefícios, a plataforma possui diversos formatos que podem ser explorados e personalizados por você:

  • Sponsored Content (imagens estáticas, vídeos e carrosséis);
  • Sponsored InMail;
  • Texto Ads;
  • Dynamic Ads.
🔎Leia também: Lead Ads: O que São e Como Fazer Anúncios de Cadastro

Trabalhar com o LinkedIn Ads é uma ótima maneira de gerar leads pelo LinkedIn, mas é sempre muito importante entender que tipo de material você está promovendo. 

Mais sobre isso agora: 


Que tipo de material usar para gerar leads pelo LinkedIn? 

Que tipo de material usar para gerar leads pelo LinkedIn?

Agora que você já sabe o porquê e como gerar leads pelo LinkedIn, vamos entender quais os meios para fazer isso.
Separei aqui quatro tipos de materiais que você pode investir para captar seus leads. Confira agora: 

Pesquisas

Realizar Pesquisas personalizadas para o seu segmento é uma ótima forma de conquistar as informações essenciais dos usuários para assim os acompanhar ao longo do funil e oferecer uma experiência personalizada.

Que tipo de insight personalizado a sua empresa consegue oferecer?

Que informações privilegiadas você pode transformar em um material que vai atrair leads? 

O material pode vir de qualquer lugar. Seu financeiro fez um estudo da situação do mercado para o próximo ano?

Veja o que compensa compartilhar.

Sua área técnica criou um novo método de trabalho?

Ele pode gerar leads! 

O maior estudo sobre geração de leads do Brasil. Panorama de Geração de Leads 2023 - Leadster
🔎Leia também: Listas de Leads: Vale a Pena Comprar? Custo-Benefício e Mais

E-books exclusivos

Quem não gosta de coisas exclusivas? Por isso, pense em um e-book que apenas a sua marca consegue produzir e oferecer ao usuário.

O exemplo que usamos ali em cima também vale.

Vamos supor que seu gestor técnico descobriu um jeito de diminuir em 25% a carga de trabalho da sua equipe, e essa informação é muito valiosa para os seus clientes.

Por que não compartilhar? 

Muita gente tem receito de fazer esse tipo de e-book porque ele acaba “contando os segredos da empresa”. 

Esse receito é compreensível, mas resolvê-lo é simples: coloque na balança o impacto que divulgar esse “segredo” tem comparado com o impacto da geração de leads para a sua empresa.

Qual ganha?

Testes grátis do seu produto

Leads gerados por meio de testes grátis são os melhores, mas os mais desafiadores.

Por isso, pense se esse tipo de material faz sentido e se é possível para o seu negócio. 

Se o seu caso for positivo invista em campanhas que oferecem esse teste grátis. 

Newsletter

Torne-se autoridade no seu segmento, faça com que sua marca seja lembrada toda vez que alguém pensar no assunto que a envolve.

Uma forma de fazer isso são as newsletters, nelas você consegue relacionar conteúdo educativo, informativo, oferta e persuasão com a sua marca de forma orgânica e eficiente.

Você pode criar uma newsletter direto no LinkedIn.

Você só precisa atualizá-la periodicamente e publicá-la, do mesmo jeito que faria em um e-mail.  

Gerar leads pelo LinkedIn é um trabalho de longo prazo.

Preciso deixar isso claro porque, infelizmente, a rede social está repleta de pessoas que começam, não conseguem resultados imediatos e desistem. 

Esse é meu último conselho para você: não desista. Insista na sua estratégia, mesclando essas dicas e mais algumas que só você vai conseguir criar. 

Mas nós conseguimos aprofundar ainda mais essa conversa, se você estiver animado.

Tenho um texto que fala tudo, tudo mesmo, sobre a geração de leads.

Vou ficar te esperando por lá, ok? 

Categorias: Geração de Leads

Gustavo Luby

CMO da Leadster, há 6 anos empreendendo no setor de tecnologia, apaixonado por CRO, Growth Hacking e Mídia paga.

0 comentário

Deixe um comentário

Avatar placeholder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *