Páginas de captura de leads são instrumentos fundamentais em qualquer estratégia de marketing digital hoje. 

Pelo menos para boas estratégias, focadas na geração de leads e no seu funil de vendas. 

Essas páginas são a porta de entrada de muitos visitantes para o universo do seu conteúdo, que eventualmente vai guiá-los até a concretização da venda. 

Por conta disso, ter uma boa página de captura de leads – ou várias, como é o mais recomendado – deve ser o ponto de partida da sua estratégia. 

Hoje existem muitas ferramentas que te permitem criar páginas de captura de leads. Muitas inclusive com a possibilidade de qualificar e organizar os seus leads.

Podemos citar como exemplo a RD Station, a própria Leadster, o ActiveCampaign, a Zoho, dentre outras. 

Hoje vamos nos aprofundar nas características de sucesso das páginas de captura de leads e te mostrar alguns exemplos vencedores que encontramos pela internet. 

E, ao final do texto, algumas recomendações principais para criar a sua e um link para te ajudar a se aprofundar no assunto. 

Começando:

O que é uma página de captura de leads?

Como o nome já diz, uma página de captura de leads é uma página que oferece a possibilidade de um visitante do seu site deixar suas informações e se transformar em lead. 

Normalmente, essas páginas costumam oferecer algo para os visitantes, tornando o processo de conversão mais fácil e mais garantido. 

É simples: porque alguém deixaria seu e-mail em um site desconhecido que não oferece nada em troca? 

Dessa forma, as páginas de captura de leads costumam oferecer descontos, um material exclusivo e mais trabalhado, uma demonstração do produto oferecido, frete grátis etc. 

A nomenclatura mais conhecida das páginas de captura de leads é a landing page. Mas com isso surgem duas confusões comuns no marketing digital: toda página de captura é landing page? E toda landing page deve capturar leads? 

Panorama de Geração de Leads no Brasil 2023 - Leadster

Toda página de captura de leads é landing page?

Landing page significa página de pouso – ou seja, é um destino. Seu visitante clica em um banner que abre para outra página? Essa outra página é a landing page daquele link. 

Na teoria, landing pages podem apresentar qualquer tipo de conteúdo, inclusive páginas de captura de leads. 

Na prática e no vernáculo do marketing digital, quando alguém diz landing page, essa pessoa provavelmente vai estar se referindo a uma página de captura de leads

Isso é muito por conta das características da landing page. Ela costuma ser uma única página, sem uma estrutura construída por categorias em cima de categorias.

O nome landing page também é usado de forma intercambiável com página de captura porque elas normalmente estão “escondidas” atrás de links.  

Veja esse exemplo do nosso site. O print abaixo mostra a nossa categoria “Materiais gratuitos”. Nessa página do site, oferecemos links para você baixar cada um desses materiais:

Quando você clica no link, a página de destino (landing page) também é uma página de captura de leads.

Toda landing page é página de captura de leads?

É o mesmo caso: na teoria, nem toda landing page precisa capturar leads. Isso porque ela é um termo que indica uma página única que serve como destino de um link determinado. 

A Apple é ótima para fazer landing pages de vendas. Essa página, que fala sobre o Macbook Pro, é uma landing page:

E ela não está buscando captar nenhum tipo de lead. Várias lojas de roupas também começam suas operações em uma única página, mostrando todos os seus produtos e indicando a compra no mesmo lugar.

Há alguns anos, antes da popularização do marketing inbound – que usa o termo landing pages de forma intercambiável com página de captura – sites de uma página só eram chamados de hotsites ou microsites.

Por isso a confusão. Mas para “desconfundir” e usar o termo correto, sempre pense na tradução: landing page é página de destino. Ela precisa ser encontrada através de um link específico que leva para ela. 

Isso dito, é comum encontrar landing pages nas seguintes situações: 

  • Como “Saiba mais” de um anúncio do Google Ads; 
  • Como botão “Comprar agora” de um anúncio nas redes sociais; 
  • Sendo acessada somente através de banners específicos em textos de blog
  • Como destino para baixar materiais grátis; 
  • Como destino para se inscrever em uma newsletter; 

Dentre outras situações mais específicas.

Passo a passo para fazer uma página de captura de leads

Tudo bem, agora entendemos o que é uma página de captura de leads e como o termo é bastante usado como sinônimo de landing page, certo? 

O importante aqui é que, apesar da diferença teórica entre os termos, ambas as páginas, na grande maioria das vezes, tem como principal preocupação a captação dos dados de contato dos seus visitantes. 

Ou seja, transformá-los em leads. Então não importa o nome: o importante é a funcionalidade.  

Se você está precisando criar uma página de captura de leads, vou te mostrar agora um passo a passo bem rápido para te ajudar. 

Importante: você vai precisar de algumas ferramentas que, apesar de pagas, oferecem plano gratuito inicial, ok? Não se preocupe que os links vão estar no texto. 

Começando:

1 – Escolhendo a plataforma para fazer a página de captura de leads

Para fazer sua página de captura de leads e deixá-la online, você vai precisar seguir três passos fundamentais: escrever o texto, fazer o design da página e publicá-la na internet. 

Existem plataformas que te permitem fazer essas três coisas ao mesmo tempo. Vamos relembrar alguns exemplos que usamos no começo do texto: 

Essas três são as ferramentas mais comuns e que não precisam de desenvolvedores e webmasters para a aplicação, é tudo pela própria plataforma. 

2 – Elaborando a oferta

Você precisa oferecer algo para que seu visitante se torne lead. Mas o que? 

Pense no que sua empresa pode oferecer para alguém que está começando agora ou que tem uma necessidade urgente. 

Por exemplo: nessa página de captura de leads da Leadster, desenvolvemos um produto digital grátis para quem precisa apresentar resultados de conversão de leads – a calculadora de benchmarking. 

O que a sua empresa consegue levar de interessante para o mundo? 

3 – Escrevendo o texto da página de captura 

Seu texto precisa ser vendedor e curto. Páginas de captura de leads que falam demais têm dificuldades na conversão. 

É importante que você separe o texto por camadas bem delimitadas, para facilitar a execução e também para direcionar o foco do leitor. 

Normalmente, essas camadas de texto costumam ser dispostas assim: 

  • Topo da página: apresentação da oferta com botão para conversão. Linguagem argumentativa, mostrando como a sua oferta vai ajudar seu visitante a trabalhar melhor. Botão de conversão é obrigatório! 
  • Meio da página: 2 ou 3 camadas mostrando detalhes do seu produto, o que ele oferece, suas funcionalidades, depoimentos de pessoas que já baixaram, prints etc. 
  • Fim da página: linguagem ainda mais agressiva direcionando para a conversão. Sempre usar botões! 

4 – Design

O design da sua página de captura de leads não pode ser carregado demais: toda a atenção do seu visitante deve ser concentrada na sua mensagem principal. 

Essa mensagem é uma das vantagens que a sua oferta oferece. Não o que ela tem de melhor: mas o que ela faz para melhorar a vida do seu visitante. 

Então, quanto mais limpo for o design, melhor. Ele precisa deixar alguns pontos em destaque, porém: 

  • As cores podem ser impactantes, desde que não sejam muitas diferentes e que não escondam as informações principais; 
  • O botão deve sempre ficar em destaque em qualquer cor aplicada no plano de fundo da página; 
  • Prints são uma ótima ideia; 
  • Sempre trabalhe com ícones para ilustrar suas funcionalidades; 
  • Não deixe blocos de texto muito grandes e sempre aumente a fonte da sua mensagem principal.

Como fazer uma página de captura de leads com chatbot em dez minutos

Se você está com pressa, seguir o caminho acima vai ser um pouco mais complicado. 

Primeiro porque você vai precisar integrar os sistemas ao seu site, criar um domínio, falar com a equipe de implementação, elaborar o design e o texto e só aí publicar. 

Isso provavelmente vai te tomar pelo menos um dia com dedicação total. 

Mas é possível criar uma landing page conversacional agora com a Leadster. fazendo um teste grátis. 

O resultado vai ser algo assim:

🔎 Leia também: 10 Tipos de Chatbots e Como Escolher o Melhor Para o seu Negócio

Uma mini página de captura de leads conversacional, com a possibilidade de você editar o texto e os comandos que seu usuário vai dar e disponibilizar um material por e-mail. 

O primeiro passo é começar um teste na plataforma Leadster. Isso você faz em apenas alguns minutos. Te ajudo nesse vídeo: 

Fez seu cadastro? Já está com tudo pronto? Agora é só criar um fluxo e gerar um link para a sua landing page conversacional. 

Tenho um outro vídeo aqui que vai te ajudar nessa etapa também. Rapidinho você já vai ter a sua página de captura de leads funcionando e convertendo: 

3 exemplos de páginas de captura de leads 

Tudo certo por aqui? Viu como é possível criar sua página de captura de leads ainda hoje, em cinco minutos? 

Se você quiser ir pelo caminho mais difícil e montar a sua própria landing 

Trouxemos aqui exemplos de páginas de captura que acertam no design, na oferta, no texto e na experiência do usuário – tudo ao mesmo tempo. 

Você vai perceber também algumas tendências que já estão virando lugar comum no mundo, mas que ainda não são aproveitadas com todo seu potencial aqui no Brasil. 

Confira os exemplos:

AirBnB

A AirBnB tem uma landing page linda para quem está buscando anunciar seu imóvel, e acerta em praticamente tudo: usabilidade, texto, design e oferta. 

Primeiro, a oferta: um cadastro simples, através do Google, Facebook ou pelo número do telefone, para você começar a hospedar. 

O processo é todo guiado e acontece dentro da própria plataforma, e pode ser concluído em alguns minutos. 

O interessante dessa oferta é que ela é o ganha pão do AirBnB. Facilitando seu processo, a plataforma consegue captar mais imóveis, criando praticamente um funil de vendas instantâneo em uma única página.

Além do design incrível, texto que envolve depoimentos de clientes reais e argumentos de venda, essa página de captura ainda permite o visitante do site fazer uma estimativa rápida de quanto ele pode ganhar com o aluguel. 

O AirBnB inaugurou nossa lista de páginas de captura com essa inovação: ela já foi feita para instigar o interesse, oferecer a solução e vender imediatamente.

Curso de marketing digital para iniciantes da RD University

A Resultados Digitais é mantém a RD University, e suas páginas de captura de leads têm as melhores ofertas possíveis: cursos gratuitos com certificados. 

A RD University é uma iniciativa que busca formar profissionais e envolvê-los cada vez mais com a marca. A estratégia é similar à que a HubSpot faz internacionalmente: ao formar essas pessoas, elas vão preferir a solução da marca que as formou. 

E o interessante é que, ao fazer esses cursos, os próprios profissionais em formação já se tornam leads da RD. Melhor exemplo de ganha-ganha você não vai encontrar tão fácil por aí.

Então, podemos dizer que a oferta das páginas de capturas de leads da RD University é ótima porque, além de gerar mais leads, também tem um grande valor estratégico. 

O design e o texto dessas páginas também são pontos de destaque:

Apresentando a duração dos cursos, o tempo de duração, a informação de que emitem certificados e informações técnicas, a conversão é muito mais garantida. 

A página ainda apresenta informações do professor, o nome dos módulos, o assunto das aulas e quanto tempo cada aula tem. 

Para finalizar, essa página de captura de leads ainda oferece outros cursos, esses pagos, aumentando ainda mais seu valor estratégico – além de converter, ela também ajuda a vender. 

🔎 Leia também: 15 Melhores Exemplos de Landing Pages para Gerar mais Leads

Salesforce

Não é a primeira vez que mostramos a Salesforce como um exemplo a ser seguido no marketing digital aqui no blog. 

No texto sobre personalização de marketing, por exemplo, mostramos como a plataforma trabalha diretamente na formação de novos profissionais, algo similar ao RD University – ou melhor, no que a RD se inspirou para criar sua iniciativa. 

A página de captura de leads da Salesforce segue o mesmo padrão elevado. Logo na primeira dobra, o texto – mesmo sendo um pouco longo – já entrega o que o visitante precisa, inclusive com um vídeo original: 

Um ponto interessante é que a Salesforce é uma grande plataforma, com vários produtos dentro dela. Nessa página de captura, ela usou um design criativo e um texto direto ao ponto para criar múltiplas CTAs:

Cada uma dessas CTAs mostra dados reais de como o produto resolve necessidades específicas. Ao todo, só essa página de captura traz 8 produtos – ou módulos – diferentes. 

Além disso, a página de captura de leads da Salesforce também conta com depoimentos de clientes, mais vídeos, artigos do blog com tutoriais e possibilidades de integração com diversas ferramentas. 


E aí, conseguiu sanar suas dúvidas sobre como fazer uma página de captura e quais são os elementos que elas costumam ter? 

Te recomendamos muito fazer o teste da Leadster para criar suas landing pages conversacionais. 

Elas vão te ajudar bastante pela velocidade de criação e pelas características que o próprio marketing conversacional traz. Mais leads, mais orçamentos e, por consequência, mais vendas. É isso o que um chatbot consegue te oferecer. 

Faça o teste hoje, vou ficar te esperando. 

Obrigado pela leitura e nos vemos no próximo texto! 

Categorias: Geração de Leads

Gustavo Luby

CMO da Leadster, há 6 anos empreendendo no setor de tecnologia, apaixonado por CRO, Growth Hacking e Mídia paga.

0 comentário

Deixe um comentário

Avatar placeholder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *