O consumidor busca hoje por experiências personalizadas e pensadas para as reais necessidades que ele tem.

Por esse motivo, as áreas de UX e UI se desenvolveram muito nos últimos anos.

Hoje, elas são muito necessárias para vários setores, como desenvolvimento de produtos, marketing digital, otimização de conversão (CRO) e Growth Hacking

Ao melhorar a experiência do cliente você aumenta as chances de conversão e, consequentemente, de vendas.

Então, mais do que entender o que é UX e UI, você pode e deve explorá-las para melhorar o desempenho da sua marca.

É isso que você precisa? Continue a leitura do post que preparamos para todas as dicas!

O que é UX Design?

A área de UX é voltada para a User Experience ou Experiência do Usuário.

Ela é a responsável por elaborar a relação entre um usuário com um produto ou serviço, oferecendo a melhor versão para que essa interação aconteça da forma mais satisfatória, com foco nas necessidades do consumidor.

Ela está incluída em diversas fases do desenvolvimento de produtos ou serviços, através de tarefas como pesquisas sobre o público e suas dores, testes de usabilidade e melhorias até o lançamento e depois dele.

Qual é o papel do UX design no Marketing Digital?

As pesquisas de UX focam na construção de personas e jornadas dos usuários, que podem ser aproveitadas nas estratégias de Marketing Digital. 

Melhorar a experiência do usuário auxilia também a atingir melhores resultados de conversão e fidelização da marca, além de transformar a imagem da marca, ao passo que esta é entendida como uma referência ao atingir as necessidades do público. 

O que é UI Design?

UI ou User Interface pode ser traduzida como Interface do Usuário e é a área responsável pela interação do usuário com um produto ou serviço, abrangendo não apenas a parte estética e de navegação, mas também a funcionalidade e usabilidade das interfaces, sejam essas visuais ou sonoras, como em alguns modelos de assistentes virtuais, por exemplo.

É comum encontrarmos a aplicação do UI Design na criação e melhoria de sites, aplicativos e outros produtos digitais.

A área, assim como UX Design, é aplicada durante a prototipagem e desenvolvimento de produtos, com testes de usabilidade com o usuário para validar o trabalho criado, mas desta vez focados na interface. 

Qual é o papel do UI Design no Marketing Digital?

O UI Design pode ser aplicado não só no desenvolvimento do produto ou serviço, mas também na comunicação do mesmo para o público ideal, já que a parte visual que melhor funciona para o usuário já estará pronta.

Qual é a diferença entre UX e UI?

Ainda ficou em dúvida sobre o que é UX e UI e quais as diferenças entre as áreas?

Apesar das duas estarem vinculadas ao desenvolvimento de produtos ou serviços, as finalidades e processos são distintos.

Trazemos alguns pontos práticos que vão tirar essa dúvida.

Macrointerações vs. Microinterações

Podemos dizer que a área de UX se preocupa com as macrointerações com o produto, uma vez que abrange de forma mais ampla as necessidades e dores dos usuários.

Entendido esse cenário macro, entra em ação a área de UI, focada nas microinterações, uma vez que abrange, de forma mais específica, as interfaces que o usuário terá contato. 

Por este motivo, UI é considerada uma área que faz parte do processo de UX.

UX torna um produto útil…

UX está presente desde o momento de concepção e desenvolvimento da ideia de um produto ou serviço, para garantir que ele seja útil para o usuário.

De nada adianta criar um produto digital, por exemplo, mas que não preenche uma demanda de mercado.

Para torná-lo útil, a área de UX realiza pesquisa, cria e testa hipóteses e entrega um produto funcional e apropriado para o que foi criado.

UI torna suas interfaces usáveis

Já a área de UI é a responsável por traduzir essa funcionalidade, apresentando ao usuário uma interface padronizada, voltada para ação, de fácil entendimento, navegação, esteticamente agradável e pensada para aquelas personas e necessidades identificadas por UX. 

UX ajuda o usuário a agir…

As pesquisas, prototipagem e testes de UX são voltados para a validação de hipóteses relacionadas às ações que serão realizadas pelo usuário.

São as ações que resolvem as necessidades de um consumidor que o atraem para um produto ou serviço.

UI faz conexões emocionais

Mas é a interface a principal responsável pela retenção de um usuário. 

Por exemplo, digamos que você construa um produto digital para reserva de hotéis.

Se seu produto funcionar bem, vai atrair usuários para a ação, que é o serviço de reserva que eles precisam.

Porém, se a interface for complicada de entender, se o visual não for atrativo ou se a navegação for ruim, o usuário não vai criar a conexão necessária com seu produto e vai procurar outra opção melhor nesse sentido.

4 benefícios de usar UX e UI design em conjunto

Já está convencido de como UX e UI podem potencializar os resultados da sua marca? 

As estratégias dessas áreas são extremamente benéficas, principalmente dentro de ações de otimização de conversão (CRO) e Growth Hacking.

Mas se você precisa de mais argumentos para começar a investir nesses setores combinados, aqui trazemos mais alguns:

1. Geração de alto valor para o público

A combinação do entendimento das necessidades do público e da entrega de uma interface pensada para isso gera valor para o público, que cria conexões com a sua solução. 

  Você também pode se interessar - 7 Dicas para Turbinar suas Campanhas de Mídia Paga com CRO

2. Altas chances de reter e encantar os usuários

Atrair o usuário é só parte do sucesso de um produto.

A retenção do usuário também é muito importante para que ele entenda a sua solução e comece a jornada ao deixar de ser apenas um visitante.

Oferecer uma boa experiência e interface também estimula o retorno e encantamento dos usuários, o que também melhora o engajamento e as indicações. 

3. Fortalecimento da marca

Hoje uma boa experiência ou uma experiência ruim dizem muito sobre uma marca, muitas vezes até mais ou tanto quanto a qualidade do produto ou serviço.

Pode ser que o produto que você venda seja excelente, mas um atendimento ruim ou um problema na entrega pode colocar tudo a perder.

Portanto, a preocupação com a experiência fortalece a marca, a medida que entrega uma versão completa do que o consumidor espera.

4. Aumento de conversões

Ao oferecer experiências assim, você estará alinhado com as expectativas, desejos e intenções dos visitantes.

As chances de melhorar as taxas de conversão são maiores, ainda mais se você se preocupa com fatores como personalização de acordo com o comportamento online, páginas visitadas e canais de origem de cada visitante.

  Leia também - Otimização de Site: É Melhor Focar em SEO ou Conversão?

Conclusão

Gostou de entender melhor o que é UX e UI e a importância dessas áreas para a experiência do usuário?

Se restou alguma dúvida, deixe-a nos comentários que ficaremos felizes em solucioná-la!

Compartilhe agora!