Antes de dar qualquer passo dentro da sua empresa, é necessário primeiro conectar toda sua equipe interna, afinal, tudo que sua marca oferece vem de dentro para fora. 😉

Por isso, já vamos a algumas questões: como está o Marketing Interno da sua empresa? Você tem engajado seus colaboradores? A comunicação está bem alinhada?

Se você ainda não aplica essa estratégia em seu negócio ou se suas ações não têm dado muito certo com a sua equipe, siga no conteúdo para entender melhor sobre o assunto e ainda pegar algumas dicas das principais ferramentas que vão ajudar você nessa jornada.

Bora lá? 👇

O que é o marketing interno?

Vários ícones de pessoas conectados através de linhas, representando o marketing interno.

Como o próprio nome já diz, o Marketing Interno é uma estratégia interna que visa envolver todos os trabalhadores da empresa em prol da marca.

Ou seja, ao mesmo tempo que educa os próprios profissionais sobre os valores da empresa, objetivos e metas, o Marketing Interno vai engajando as equipes e as motivando.

A partir dessa estratégia de marketing você vai criando canais de comunicação internos para que todas as informações sejam passadas de forma alinhada, além de construir uma cultura de empresa sólida.

Não parando por aí, esse tipo de marketing vai além dos benefícios para a própria marca. Por meio de uma comunicação alinhada, ele também traz vantagens aos colaboradores que vão se sentir mais à vontade para se expressarem, trazer novas ideias e se engajarem para o dia a dia de trabalho.

Há diferença entre o marketing interno e o endomarketing?

Vou ser sincera, essa é uma questão bem discutível, pois existem aqueles que tratam os conceitos de formas distintas e aqueles (como nós) que os tratam da mesma forma.

Eu sei: isso por si só já gera um pouco de confusão. Por isso, vou apresentar os dois lados da moeda.

Há quem diga que o Marketing Interno cuida apenas da comunicação alinhada entre empresa e colaboradores, enquanto o Endomarketing se preocupa com a parte emocional e motivacional.

Em poucas palavras: o Marketing Interno trata do negócio, e o Endomarketing do coração. ❤️ 

Mas, como você deve ter percebido na definição acima, esse texto considera ambos os pontos como Marketing Interno: desde a comunicação alinhada até o bom dia a dia de trabalho do colaborador.

Dessa forma, você evita confusão entre os termos e, ao aplicar a estratégia, ainda beneficia os dois lados — empresa e trabalhador.

Quais são as áreas de atuação do marketing interno?

Imagem destacando todas as áreas de atuação do marketing interno através de ícones.

Agora que você já sabe o conceito de Marketing Interno é importante explicar as áreas em que ele é aplicado, para você entender melhor quando utilizá-lo e quais são os resultados esperados.

Assim, você vai sair daqui já sabendo em quais canais da sua empresa ele pode ser implementado ou aperfeiçoado, e já vai conseguir visualizar as primeiras oportunidades de fazer Endomarketing ainda hoje. 

Separamos aqui cinco áreas de atuação, confira:

Comunicações gerais da empresa

A chave para um bom Marketing Interno é a transparência com seus colaboradores.

Então, se ocorreu uma mudança estrutural na empresa, novas vagas estão abertas, as rotinas de trabalham mudaram etc., é muito importante que você gere comunicados gerais.

E claro, que eles sejam de fácil acesso para todos, em um ambiente formal e padrão.

Pense que ao seu time saber da empresa como um todo ele estará mais alinhado com o que realmente está acontecendo, o que reduz falhas na comunicação, além de gerar um sentimento de confiança, pois sua marca estará sempre aberta ao funcionário.

Canal de comunicação

Achou que feedbacks, sugestões e comentários seriam restritos apenas aos clientes da sua empresa? Pois é, não são. 

Na verdade, ter um canal de comunicação aberto entre empresa e funcionário é uma ótima estratégia para garantir novas ideias, além de melhorar o ambiente de trabalho, porque você estará ciente do que está sendo positivo, o que precisa melhorar e o que não está mais surtindo efeito dentro do negócio.

Criação de campanhas e premiações

Quem aqui não gosta de concorrer a algum prêmio ou participar de atividades em que você pode ser o vencedor?

É nessa questão que você deve se atentar ao criar campanhas e premiações para promover o Marketing Interno, pois além de engajar o colaborador, ele fica mais participativo e motivado no dia a dia.

Aqui você pode explorar desde campanhas de vendas com comissão e premiações, até o exemplo aqui da Leadster: para divulgar o Panorama de Geração de Leads 2023, pedimos a ajuda dos times para postarem nas suas redes sociais, e assim atrair mais visitantes para o estudo. Em troca, nós sorteamos um cupom de desconto no iFood.

Mas, devemos sempre lembrar que esse tipo de premiação varia conforme a empresa, ou seja, é necessário considerar o porte, orçamento, relação com os funcionários, campanhas que querem divulgar, cultura da marca etc.

Eventos

Nada melhor do que um evento para trocar ideias, experiências e também falar do dia a dia para se aproximar ainda mais dos seus colaboradores – e eles entre si.

Os eventos corporativos devem sempre ser pensados para proporcionar uma conexão entre as equipes. Mesmo que seja apenas um coffee break, é importante que os gestores e colaboradores consigam trocar ideias e ficarem mais próximos.

Caso você não consiga se encontrar presencialmente com sua equipe, eventos online também são bem vindos! Quanto mais interação você tiver, melhor fica a sua comunicação e relação com o time.

Mais uma vez vou dar um exemplo da Leadster. Nós atuamos 100% remotamente, mas isso não impede a nossa troca constante e os nossos brindes semanais – encontros virtuais com toda a empresa de 30 minutos de duração – e happy hours em casa.

Fora isso, sempre realizamos eventos pontuais, abertos ao público, sobre assuntos de interesse geral, então fica a dica. 😉

Formar trabalhadores engajados

Investir em treinamentos, palestras e cursos também é uma forma de engajar seus trabalhadores — você estará potencializando a sua capacitação e mostrando o compromisso da empresa com a melhora contínua de quem divide sua história.

Quanto mais conhecimento o funcionário conquista, mais ele consegue oferecer no seu trabalho, e mais gratidão ele tem.

Fora isso, não há nada melhor que uma empresa que cresce junto com seus trabalhadores. 

Quais são as ferramentas mais comuns do marketing interno?

Imagem destacando as ferramentas mais comuns do marketing interno através de ícones.

Ok, agora você já sabe o ‘o que’ ‘porque’ e ‘quando’ aplicar o Marketing Interno, agora vamos saber o ‘como’.

Separamos aqui seis ferramentas comuns nessa estratégia e que você já pode começar a usar ainda hoje — logo após terminar a leitura, claro.🤓 

Vamos lá?

Blogs internos

Se a sua empresa é de grande porte e possui diversas equipes distintas, pode ser difícil alinhar a comunicação indo time por time, pessoa por pessoa, reunião por reunião.

Nesse caso, nada melhor do que um blog interno para publicar mensagens que vão desde avisos gerais até parabéns para os aniversariantes do dia.

Esse canal é ideal para alinhar sua comunicação e criar uma troca entre os colaboradores.

E-mail

O bom e velho (nem tanto) e-mail também é um alinhado do Marketing Interno. 

Assim como o blog interno, ele servirá para enviar informações importantes, novidades, parabéns, além de você poder fazer pesquisas por esse canal e receber sugestões e feedbacks.

Wikis

Wiki de Wikipedia? Isso mesmo, só que para empresas!

O wiki da empresa é tipo um canal de conhecimento central da marca, nele os funcionários podem compartilhar e organizar informações internas. 

É a própria equipe inteira que escreve, revisa e atualiza as informações no wiki, tudo de forma colaborativa e alinhada. 

Pense que a partir do wiki corporativo você cria uma verdade única sobre sua marca e estará engajando e contando com os funcionários o tempo todo.

E claro: através dele, você também compartilha informações técnicas relacionadas à sua realidade de produção. Grande parte das empresas usam o Notion para esse trabalho ou as ferramentas da Atlassian

Revistas

As revistas – digitais ou impressas – são canais ideais para empresas grandes que precisam formalizar as mensagens e deixar espaços vagos para que suas filiais também publiquem notícias, novidades e curiosidades.

Além de ser colaborativa, você estará alinhando a comunicação com todas as áreas de todos os lugares, se for o caso. 

Redes sociais

Se você quer um canal rápido, versátil e que pode ser utilizado em mobile, é interessante pensar nas redes sociais corporativas.

Além de poder encaminhar mensagens instantaneamente, os colaboradores podem se sentir mais a vontade de publicar suas ideias, feedbacks e sugestões, pois estarão em um canal de costume – fora que esse formato já faz parte do nosso dia a dia.

WhatsApp

O queridinho dos brasileiros não poderia ficar fora dessa lista 😅

O WhatsApp já virou instrumento de trabalho para milhões de pessoas, além de ser um canal que acessamos quase toda hora, então nada melhor do que criar um grupo da empresa nele.

Além de ser rápido, prático e simples, o WhatsApp foge das formalidades que às vezes se tornam pedra no caminho para uma boa comunicação, engajamento e relacionamento com os colaboradores.

Por isso, investir nessa ferramenta pode ser ideal para empresas que querem se aproximar do time, além de ser uma ótima opção para negócios menores.


E então, o Marketing Interno da sua empresa está em dia ou ainda precisa de reparos — ou quem sabe ainda nem existe? Conta pra gente nos comentários!

Ah, e pra você que chegou até aqui, vamos a uma dica final: sempre comece ouvindo seus colaboradores e entendendo suas necessidades, afinal eles são a base de toda a empresa.

Lembre-se de que o Marketing Interno não deve ser encarado como uma despesa, mas sim como um investimento que trará retornos significativos para o seu negócio. 😉

Agora, se você quiser continuar aprendendo sobre marketing empresarial e como aplicá-lo na sua empresa, vou deixar mais um conteúdo que pode te ajudar, olha só: Marketing Empresarial: Por Onde Começar? 5 Dicas de Marketing Atuais! 😲

O maior estudo sobre geração de leads do Brasil. Panorama de Geração de Leads 2023 - Leadster

Beatriz Testa

Redatora na Leadster e jornalista em formação. Há 2 anos trabalhando com SEO, Marketing de Conteúdo, Hard News e muito mais!

0 comentário

Deixe um comentário

Avatar placeholder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *