Marketing digital, marketing de conteúdo, inbound marketing, marketing de eventos… são tantos os tipos de marketing que ouvimos diariamente.

Mas, afinal, o que diz cada um deles? Quais as estratégias apresentadas e como isso impacta o seu negócio? Qual tática escolher para sua empresa?

Essas são algumas das questões que a Leadster responde para você. Vamos lá!

O que é uma estratégia de marketing?

O que é uma Estratégia de Marketing?

Estratégia de marketing é um conjunto de ações cujo objetivo é alavancar os resultados da empresa, impactando positivamente nas vendas, na divulgação da sua marca e autoridade.

É na estratégia de marketing que você define suas metas, objetivos, prazos e ações futuras. Lembre-se que seus objetivos devem ser SMART, ou seja:

S – Specific (específico): o objetivo deve ser claro e com o máximo de detalhes, de forma que toda a equipe entenda.

M – Measurable (mensurável): toda meta deve ser medida de alguma forma, se não, como você apresenta isso para seu cliente?

A – Attainable (atingível): é necessário ter noção da situação em que se encontra, quais são os recursos necessário e se é realmente possível atingir o que foi proposto, do contrário, qual seria a lógica?

R – Relevant (relevante): mostre que tal objetivo traz relevância para o seu negócio. O que o torna diferente dos demais? Dessa forma, toda sua equipe ficará motivada.

T – Time based (temporal): é essencial que você estabeleça um prazo para essa meta.

Por que é importante investir em marketing para a sua empresa?

Por que é Importante Investir em Marketing para a sua Empresa?

Além do marketing auxiliar seu negócio a conquistar novas vendas, ele é a porta de entrada para novos leads e fortalecimento da marca no mercado.

As estratégias de marketing envolvem pontos como: posicionamento da marca, maior abrangência de novos públicos, melhora no relacionamento com os visitantes e maior autoridade no mercado.

Quais são os principais tipos de marketing?

Quais são os Principais Tipos de Marketing?

Vamos agora aos principais tipos de marketing para você aplicar em seu negócio!

1. Marketing digital

O marketing digital diz respeito às estratégias aplicadas no ambiente online.

Essa tática abrange áreas de conteúdo, redes sociais, anúncios e mecanismos de busca. Por meio do marketing digital, a empresa consegue se aproximar ao cliente, além de personalizar ainda mais cada experiência.

2. Marketing offline

Também conhecido como marketing tradicional, o marketing offline abrange as técnicas fora da internet, como banners, outdoors, folhetos, brindes, e até outros canais de comunicação, tais quais TV e rádio

 Leia também: Marketing Educacional: Como Melhorar a Captação de Alunos da sua Escola?

3. Outbound marketing

O outbound marketing é a estratégia na qual você coloca sua propaganda no ar para captar o público, ou seja, estamos falando de uma abordagem ativa.

No outbound é esperado pegar o usuário de surpresa, quase uma interrupção de programação, por isso, saiba quando fazê-lo para não passar uma imagem negativa ao consumidor.

4. Inbound marketing

Ao contrário do outbound, o inbound marketing vai levar conteúdo relevante aos usuários de maneira “natural” e não invasiva, a fim de convertê-los em leads, e posteriormente, em clientes.

Essa tática também é conhecida como marketing de atração.

 Saiba mais: Inbound ou Outbound: Qual a Melhor Estratégia de Vendas B2B?

5. Marketing de conteúdo

Como o próprio nome já diz, o marketing de conteúdo oferece conteúdos relevantes e valiosos para o público-alvo.

O objetivo é engajar ao longo da jornada de compra, melhorando o relacionamento e a experiência do cliente. 

6. Marketing de performance

Tudo no marketing está ligado a números e métricas, afinal, essa é a forma possível para acompanhar os resultados e fazer melhorias. 

Por isso, o marketing de performance terá todas as suas ações baseadas em dados, visando sempre otimizar os investimentos em anúncios e gerar melhores resultados. 

Aqui, a veiculação dos ads ocorre conforme o desempenho – anúncios que performam bem, são otimizados, e aqueles que não têm bons resultados, são pausados e revistos.

O objetivo é otimizar recursos, permitindo a visualização de resultados em prazos menores, por isso, essa área compõe a gestão de mídia paga das empresas.

7. E-mail marketing

5. Crie estratégias de e-mail marketing

O e-mail marketing está dentro do marketing digital.

Nessa estratégia sua empresa vai enviar conteúdos e ofertas relevantes para o público, esperando engajar mais e direcionar o usuário para as demais etapas da jornada de compra.

8. Marketing de redes sociais

6. Atualize as redes sociais

As redes sociais, como Instagram, Facebook, LinkedIn e Twitter, são canais procurados por consumidores para se informar, interagir e até mesmo realizar compras.

Lembre-se de criar conteúdos e anúncios personalizados e com linguagem adaptada para cada mídia.

 Leia também: Social Ads: Como Usar as Redes Sociais para Gerar mais Leads

9. Marketing de busca

O que são Leads e o que é Geração de Leads?

Aqui estamos falando de estratégias dentro de mecanismos de busca, como o Google.

Nesse tipo de marketing você vai encontrar táticas orgânicas (SEO) e pagas (anúncios da rede de pesquisa) para impulsionar o resultado de seu site.

10. Mobile marketing

19. Faça um site que seja "mobile first"

O mobile marketing nada mais é do que um conjunto de ações visando uma melhor experiência do usuário em aparelhos celulares.

Aqui serão colocadas em prática ações como a responsividade dos sites e segmentação de anúncios.

 Você também pode gostar: Mobile Lidera em Acessos, mas Perde em Conversão

11. SMS marketing

Como o próprio nome já diz, o SMS marketing é a entrega de conteúdos, promoções, cupons e informações de lançamento por meio de SMS.

Mesmo que a tática tenha perdido um pouco de força com a vinda do WhatsApp, o SMS marketing ainda causa impacto nos usuários.

 Leia também: 28 Estratégias de Marketing para Pequenas Empresas

12. Vídeo marketing

O vídeo marketing está presente em canais como YouTube, Facebook, Instagram e até mesmo LinkedIn. 

Essa estratégia utiliza conteúdos audiovisuais para educar e engajar o público.

Nesse tipo de marketing você pode gravar desde vídeos longos até stories e lives.

13. Geomarketing

No geomarketing vamos aplicar estratégias considerando a localização do usuário

A partir disso, é possível personalizar ainda mais a experiência, abordagem e promoções utilizadas pela empresa.

 Leia também: Marketing Imobiliário: 40+ Dicas e Estratégias de Marketing para Imobiliária

14. Marketing de proximidade

O marketing de proximidade está dentro do geomarketing.

Essa estratégia vai personalizar os anúncios e notificações recebidos pelo usuário. Como?

Bem, quando o consumidor que se aproxima de um estabelecimento, sua localização é identificada pelo GPS, Wi-Fi ou Bluetooth, e é possível enviar mensagens personalizadas para este usuário.

15. Remarketing

O objetivo do remarketing é impactar um usuário que já tenha realizado alguma ação prévia, como abandonar o carrinho de compra ou acessar certa página do site.

A função desse tipo de marketing é chamar novamente a atenção do usuário, realizando outras estratégias para ele seguir na jornada de compra.

16. Real time marketing

Acabou a época de ficar horas no telefone para conseguir alguma informação ou fechar uma compra. 

O real time marketing visa a instantaneidade, ou seja, as marcas e consumidores interagem em tempo real na internet, por meio da tecnologia. 

17. Co-marketing

11. Faça parcerias estratégicas

Co-marketing é uma estratégia de parceria entre duas empresas para criar e divulgar um novo produto, serviço ou até mesmo um conteúdo

Dessa forma, ambas atingem um público maior, se beneficiando mutuamente.

 Leia também: O Bê-a-bá do Marketing Industrial: 5 Estratégias para Alavancar os seus Resultados

18. Cross channel marketing

Diferente do co-marketing, o cross channel marketing utiliza diversos canais de forma integrada em uma estratégia

Por isso, é essencial saber sobre a persona do negócio, a fim de adaptar todos os conteúdos para cada mídia.

19. Marketing integrado

Não adianta atuar em vários canais se eles não conversam entre si. 

É para isso que o marketing integrado, a estratégia vai alinhar a comunicação entre as mídias utilizadas, oferecendo um conteúdo coerente ao consumidor.

O resultado disso é uma marca alinhada, fortalecida e bem posicionada no mercado.

20. Marketing direto

O marketing direto diz respeito às ações claras, ou seja, antigamente havia o porta a porta, hoje contamos com o e-mail e SMS marketing.

Esse tipo de marketing está relacionado ao uso de uma base de contatos para contatar aqueles que demonstraram interesse na marca.

 Leia também: Marketing Jurídico: 13 Estratégias de Marketing Digital para Advogados

21. Marketing indireto

Ao contrário do marketing direto, o indireto possui uma divulgação mais discreta, subjetiva.

É a propaganda sem cara de propaganda. 

Podemos ver essa estratégia em filmes, séries e até novelas quando certo produto está no cenário.

22. Marketing estratégico

O marketing estratégico está presente normalmente na área interna das empresas, preocupando-se com as decisões a longo prazo e como cada uma delas vai impactar nos resultados e posicionamento da marca.

23. Marketing operacional

O marketing operacional está voltado às ações práticas a curto prazo, visando consolidar a marca no mercado

Por isso, essa estratégia é responsável por analisar e controlar as operações dentro de cada planejamento.

24. Marketing reativo

O marketing reativo é aquele que acompanha o mercado.

Ou seja, todas as suas estratégias levarão em conta os movimentos do mercado.

25. Marketing proativo

Diferente do marketing reativo, o marketing proativo visa antecipar o mercado, inová-lo.

Mas, essa estratégia é uma via de mão dupla, afinal, a empresa até sai na frente dos concorrentes com sua novidade, porém corre o risco da não-aceitação pelos consumidores.

26. Marketing multinível

O marketing multinível, ou marketing de rede, é um modelo de vendas baseado na construção de uma rede de revendedores, na qual a marca incentiva o vendedor a atrair revendedores, que receberão comissão.

Essa estratégia já foi utilizada por empresas como a Natura e Mary Kay.

 Leia também: Marketing para Franquias: Crie Uma Estratégia Eficaz Desta Forma

27. Marketing de afiliados

O marketing de afiliados utiliza esses afiliados para promover um serviço ou produto

A estratégia funciona da seguinte maneira: cada afiliado recebe um link de divulgação e, para cada conversão gerada, ele recebe uma remuneração.

28. Marketing de utilidade

No marketing de utilidade não se trata de apenas vender um produto, mas resolver o problema e facilitar o dia a dia do consumidor.

Esse tipo de marketing está inserido principalmente no inbound marketing, a fim de atrair os consumidores com conteúdos relevantes.

29. Marketing de relacionamento

O que é marketing de relacionamento

O marketing de relacionamento não poupa esforços para promover uma relação de qualidade com o consumidor antes e após a compra.

Resultado disso são clientes satisfeitos, fiéis e que indicam a sua marca para os demais.

Veja nosso conteúdo completo sobre o assunto!

30. Marketing de comunidade

Por fim, mas não menos importante, o nosso último tipo de marketing é o de comunidade.

Assim como o marketing de relacionamento, o objetivo aqui é se aproximar dos consumidores. 

Para isso, o marketing de comunidade vai se aproximar daqueles que gostam de interagir e fomentar esse relacionamento

Nessa comunidade podem estar presentes clientes da empresa, como também colaboradores, parceiros e fornecedores. 

31. WhatsApp marketing

Boas práticas para vender pelo WhatsApp

Essa é uma tática de marketing de mensagens que promove a marca por meio do WhatsApp.

O aplicativo, que está presente em 91% dos smartphones brasileiros, auxilia as empresas a atingirem muitos usuários, estabelecendo relações sólidas com os clientes para gerar vendas.

 Leia também: 14 Estratégias de Vendas pelo WhatsApp: Como Vender Mais e Melhor por este Canal

32. Marketing de produto

O marketing de produto foca na conexão entre o produto e os seus clientes em potencial

Por meio de diferentes ações (que podem envolver vários times, como Vendas, CS e Marketing), a meta é comunicar as características, benefícios e diferenciais de um produto para o seu público-alvo, “traduzindo” a proposta de valor para o consumidor.

33. Marketing boca-a-boca

Um dos mais antigos tipos de marketing, que segue gerando bons resultados: o marketing boca-a-boca.

Também conhecida como Buzz Marketing, essa estratégia diz respeito à propaganda espontânea para uma empresa.

Sim, você faz isso quando recomenda um produto, serviço ou marca para seus amigos e familiares, e nem percebe.

34. Endomarketing

Também chamado de marketing interno, o endomarketing é um conjunto de ações cujo objetivo é desenvolver um bom ambiente de trabalho para os colaboradores

Algumas ações são:

  • Campanhas de satisfação;
  • Programas de bem-estar;
  • Fortalecimento da cultura da empresa;
  • Políticas de benefícios para os trabalhadores.

35. Marketing de guerrilha

No marketing de guerrilha, estamos falando de estratégias utilizada para promover produtos e serviços de forma pouco convencional. 

Aqui você vai se deparar com campanhas inesperadas, realizadas com mais criatividade do que orçamento.

Seu objetivo é criar uma experiência memorável no consumidor.

36. Marketing sensorial

Como o próprio nome já diz, no marketing sensorial estaremos abrangendo e estimulando os cinco sentidos: visão, olfato, paladar, audição e tato.

Cada um deles contribui para criar uma boa atmosfera de vendas, além de desenvolver uma espécie de funil focado na subjetividade.

37. Marketing pessoal

Marketing pessoal utiliza as ferramentas do marketing digital e tradicional, com foco na promoção pessoal

Aqui não estamos mais falando de promover uma empresa ou produto, mas do fortalecimento do nome e a imagem de um profissional.

38. Marketing viral

No marketing viral, estaremos atraindo e surpreendendo o público até que eles mesmo espalhem a mensagem adiante, criando um burburinho sobre o assunto. 

Essa técnica possui custos menores, já que a mídia utilizada é o próprio público-alvo.

39. Marketing conversacional

Quais são os tipos de chatbot?

No marketing conversacional, estamos falando de conversar em tempo real e de forma personalizada com seus visitantes.

O objetivo é ajudá-los no processo de decisão de compra.

O marketing conversacional utiliza ferramentas como o WhatsApp, chatbots e chats online para se comunicar com potenciais clientes de forma interativa.

Agora que você já tem em mãos 39 tipos de marketing para aplicar na sua empresa, o que acha de se aprofundar na tática que vai impulsionar seus resultados?

Juntando a melhor estratégia e a ferramenta certa, você verá sua geração de leads triplicar.

Como? Com o chatbot da Leadster!

Se ficou interessado, acesse agora mesmo a nossa demonstração gratuita!


Beatriz Testa

Redatora na Leadster e jornalista em formação. Há 2 anos trabalhando com SEO, Marketing de Conteúdo, Hard News e muito mais!

0 comentário

Deixe um comentário

Avatar placeholder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *