Em um cenário com diversos concorrentes, janela de atenção cada vez menor e poucos canais a serem explorados, captar leads e transformá-los em clientes nunca foi tão desafiador.

É aí que entramos no tópico de Geração de Demanda. 😉

Não basta apenas chamar o cliente e esperar que ele compre seu produto ou serviço.

Você precisa se destacar, inovar e educar o usuário ao longo do ciclo de vendas. 

A Geração de Demanda serve para despertar o interesse nos consumidores e aproximá-los da sua empresa para, logo em seguida, conquistar a tão sonhada venda.

Para saber mais sobre essa estratégia, siga a leitura do nosso guia! 👇

O que é a Geração de Demanda? 

Mulher olhando para notebook e sorrindo.

Geração de Demanda nada mais é do que um conjunto de ações estratégicas que visam despertar o interesse dos consumidores sobre a sua empresa.

Para entender a geração de demanda, precisamos nos fazer uma pergunta simples: gerar demanda para quem? A resposta é simples: para a equipe de vendas. 

A geração de demanda atua nas primeiras fases do funil de marketing digital, através da criação de conteúdo relevante que vai gerar mais leads.

Esses leads são nutridos e transformados em MQLs, que eventualmente chegam para a equipe de vendas. 

Então, geração de demanda nada mais é do que a disciplina de gerar cada vez mais contatos e oportunidades para que a equipe de vendas possa fechar cada vez mais negócios.

Por meio da geração de demanda você conseguirá gerar mais receita, além de fortalecer os relacionamentos com os clientes desde os primeiros contatos, aumentando a fidelização.

Para colocar essa estratégia em prática e chamar a atenção dos usuários, se destacando entre os concorrentes, invista na produção de conteúdo para educar, nutrir e engajar o seu público.

Aproveitando esse assunto: sabe qual estratégia de Inbound Marketing que casa melhor com a geração de demanda?

O lead magnet, materiais ricos que transformam visitantes do seu site em leads. 

Se quiser saber mais sobre esse assunto, já escrevi um artigo sobre: O que é Lead Magnet? 10 Tipos e 5 Exemplos para Conhecer!

Como Começar a Fazer a Geração de Demanda?

Mulher pensando. Ao lado dela, tópicos do texto que ajudam a fazer a geração de demanda.

Não existe um passo a passo fixo para você começar sua geração de demanda, esse processo depende de um trabalho conjunto entre o time de marketing e vendas.

Por isso, separamos aqui alguns pilares que você deve seguir para ter sucesso em sua estratégia.

Confira!

🔎Leia também: 13 Ideias de conteúdo para marketing digital com exemplos

Coordenação do time de marketing e vendas

Eu não disse a você que precisamos contar com o time de marketing e vendas?

A geração de demanda consiste em atrair os usuários, porém, assim que essa etapa é cumprida, chega o momento de convencê-los a comprar. 

Ou seja, as ações de marketing conduzem os clientes potenciais até a equipe de vendas.

Por isso, é importante que as equipes trabalhem juntas para definir, medir e analisar os objetivos.

Também é essencial integrar as ferramentas de colaboração e coordenação, como dados e painéis compartilhados.

🔎Leia também: O que faz uma agência de inbound marketing? + 10 exemplos

Definição de público-alvo

Para quem você vai criar conteúdo e como vai gerar demanda se não souber com quem está falando?

É por isso que definir seu público-alvo antes de colocar as estratégias em prática é fundamental.

Quanto mais segmentado for seu público, mais fácil será fornecer uma experiência personalizada e com maior probabilidade de conversão. 

Criação do funil de marketing

Com o funil de marketing você consegue formalizar a estratégia de geração de demanda. 

Ou seja, consegue analisar quais precisam ser nutridos, quais vão fazer um orçamento e quais já podem ser encaminhados para a compra.

Por meio desse mecanismo você aplica suas estratégias de forma muito mais assertiva. Continue comigo que, mais para o final do texto, vamos conversar sobre cada uma das etapas do funil. 

🔎Leia também: O que é funil de vendas? Etapas, métodos e 9 ferramentas

Lançamento, testes e alterações 

Com o time de marketing e vendas coordenado, público-alvo definido e funil de marketing criado você estará pronto para lançar suas estratégias de geração de demanda!

Porém, não vá pensando que o trabalho parou por aí.

Para conquistar um resultado melhor e evitar erros, faça testes, análises e, se necessário, alterações em sua estratégia. Lembre-se que a prática leva a perfeição. 😉

Melhores Materiais para Geração de Demanda

Representação do funil de marketing e vendas.

Uma vez que a geração de demanda é um processo crucial para o sucesso de qualquer negócio, é importante escolher os materiais corretos que ajudarão a atrair e engajar seu público-alvo. 

Os melhores materiais para geração de demanda são aqueles que fornecem informações úteis e relevantes para seu público, ao mesmo tempo, em que os convencem a interagir com sua marca

Alguns exemplos são: e-books, whitepapers, webinars, infográficos e vídeos explicativos. 

Fora isso, garanta que esses materiais sejam bem otimizados para SEO e compartilháveis nas redes sociais, para aumentar seu alcance.

Indo além, separamos aqui quais são os melhores materiais para cada etapa do funil, confira!

🔎Leia também: O Que é Funil de Conversão, Quais são as Etapas e Como Criar

Topo de funil

O Topo de Funil é o primeiro passo da jornada do comprador, ou seja, é a hora de atrair e despertar o interesse de seu possível cliente.

Por isso, a estratégia a ser seguida aqui é mais orgânica, focando em conteúdos para o site e blog – otimizado para SEO –, além de aproveitar as redes sociais e landing pages

Porém, você também pode alinhar o orgânico ao pago, impulsionando seus posts nas redes com anúncios.

O topo do funil é responsável por gerar leads.

Aqui deve estar a sua maior preocupação na geração de demanda.

Quanto mais leads, mais chances você tem de vender. 

🤿Se aprofunde: Topo de Funil: Estratégias e Conteúdos para essa Etapa de Vendas

Meio de funil

Enquanto o topo é o momento de descoberta e geração de leads, o meio do funil trata da nutrição desses usuários. 

Muitos departamentos de marketing focam no topo do funil para a geração de demanda porque é no topo que estão as maiores oportunidades de gerar leads.

E leads = vendas. 

Mas no meio do funil ocorre a qualificação desses leads, etapa fundamental em qualquer estratégia de geração de demanda.

Os leads chegam “crus”, sem muitas informações, e saem prontos para a equipe de vendas. 

Os leads qualificados também recebem o nome de MQL

Dito isso, os conteúdos dessa etapa devem se aprofundar mais na dor e necessidade do consumidor, não apenas informar, como é feito no topo.

Alguns materiais ótimos para utilizar são:

  • Cases de sucesso;
  • Teste de ferramenta;
  • Demonstração gratuita.
🤿Se aprofunde: Meio de Funil: O Que É e Como Criar esse Tipo de Conteúdo

Fundo de funil

Por fim, o Fundo de Funil é o último estágio, esse é o momento que o seu lead decide realizar a compra do seu produto ou serviço.

É nesse momento que a equipe de vendas brilha mais, com e-mails personalizados, ligações e visitas in-loco. 

Mas o marketing e o conteúdo ão precisam parar.

Só os materiais dessa etapa que devem ser mais técnicos e subjetivos, focando em um CTA mais forte e direto.

Alguns formatos para investir são:

  • Catálogo de produtos;
  • Avaliação gratuita;
  • Cupons de oferta, promoções, frete gratuito;
  • Webinars e vídeos bem segmentados.

Conclusão: Geração de Demanda ou Geração de Leads?

Quem disse que você precisa escolher entre geração de demanda e geração de leads?

Ambas estratégias são válidas e devem ser utilizadas. 

Na verdade, como vimos até agora, elas são complementares.

Enquanto a geração de demanda é mais ampla e inclui todo o processo de marketing, sendo responsável por construir o relacionamento que fornece leads qualificados para sua equipe de vendas, a geração de leads é uma área específica dentro da estratégia de geração de demanda essencial para gerar conversões

Ou seja, a geração de demanda vai criar conteúdo para atrair os consumidores, já a geração de leads vai incluir um e-book ao final do conteúdo que para baixar é necessário deixar algumas informações de contato.

Com isso podemos analisar que essas gerações trabalham juntas e são muito eficazes quando isso acontece.

Já que adentramos no tópico de geração de leads, o que você acha de investir em uma ferramenta que vai triplicar seu resultado?

Estou falando da plataforma de Marketing Conversacional da Leadster.

Com ela você capta leads, os qualifica, segmenta e ainda distribui de maneira inteligente para a equipe de vendas.

Faça sua Demonstração Gratuita agora mesmo!

Categorias: Marketing digital

Beatriz Testa

Redatora na Leadster e jornalista em formação. Há 2 anos trabalhando com SEO, Marketing de Conteúdo, Hard News e muito mais!

0 comentário

Deixe um comentário

Avatar placeholder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *