Aqui estamos com duas siglas referentes ao mundo do Marketing Digital, ROI e ROAS.

Tanto o Return on Investment (ROI) quanto Return on Advertising Spend (ROAS) são métricas essenciais para o seu negócio, pois ambas vão comparar seu investimento com o lucro obtido.

Siga neste artigo para saber suas definições, como calcular, suas diferenças e muito mais!

O que é ROAS?

O que é ROAS?

O Return on Advertising Spend ou, quando traduzido, Retorno Sobre Investimento Publicitário diz respeito aos custos e faturamento obtidos a partir de campanhas de anúncios.

Com essa métrica você conseguirá acompanhar as estratégias e canais que estão trazendo resultados para o seu negócio, quais delas precisam de mudanças ou devem ser descartadas.

Você pode, por exemplo, medir o ROAS dos seguintes canais:

  • Google Ads;
  • LinkedIn Ads;
  • Facebook Ads; e
  • Instagram Ads.

O ROAS também pode ser calculado em relação a mídias mais tradicionais, como rádio e TV, mas aqui vamos focar nos canais digitais.

 Leia também: Métricas de Mídia Paga: Principais Métricas Para sua Campanha

Qual é o Papel do ROAS no Marketing Digital?

Qual é o Papel do ROAS no Marketing Digital?

Como já explicamos brevemente acima, o ROAS mostrará a métrica relacionada aos seus anúncios publicitários, ou seja, ao calcular o retorno obtido pelos custos, você saberá se uma campanha é lucrativa ou não.

Dessa forma, você poderá tomar algumas decisões quanto ao seu planejamento de marketing digital, como: seguir do jeito que está, realizar mudanças ou ter que recomeçar do zero.

Com isso, podemos dizer que o papel do ROAS dentro do marketing digital é possibilitar o andamento de seu planejamento, afinal, sem métricas não há respostas e sem respostas não há como desenvolver o seu negócio.

Como Calcular o ROAS?

Como Calcular o ROAS?

O cálculo do ROAS é bem simples, basta colocar os valores na seguinte fórmula:

ROAS Retorno sobre investimento em anúncios
ROAS = (Retorno Conseguido com Anúncios / Custo dos Anúncios) X 100

Exemplo de ROAS na prática

Para facilitar ainda mais o seu entendimento, separamos aqui um exemplo hipotético, vamos a ele!

Pensando que sua empresa investiu no mês R$ 2.000,00 em anúncios para o Facebook Ads e gerou R$ 6.000,00 em vendas, o seu ROAS será de R$ 3,00, isso significa que a cada R$ 1,00 investido, você teve retorno de R$ 3,00.

Para saber o percentual, basta multiplicar e você terá um resultado de 300%.

Ao colocarmos na fórmula ficará assim:

ROAS = (R$ 6.000,00 / R$ 2.000,00) X 100

ROAS = R$ 3,00 X 100

ROAS = 300%

O que é o ROI?

O que é o ROI?

Partindo para a nossa segunda métrica do texto, o Return on Investment, ou Retorno Sobre Investimento, é a métrica que indica o retorno sobre o custo de uma ação específica de sua empresa.

O ROI mostra os resultados mais gerais, pois pode ser aplicado em diversas áreas ou projetos, ou seja, ele é a resposta se sua empresa está lucrando ou não com cada investimento feito.

Qual é o Papel do ROI no Marketing Digital?

Qual é o Papel do ROI no Marketing Digital?

Da mesma forma que o ROAS será o responsável pelas decisões futuras quanto ao planejamento de anúncios pagos, o ROI é aquele que fará você compreender melhor as origens de lucro de todo o seu negócio.

Com o ROI você poderá acompanhar o resultado de canais, como:

  • Blog;
  • SEO;
  • E-mail marketing;
  • Marketing de conteúdo;
  • Novos lançamentos de produto ou funcionalidades;
  • Treinamento da equipe de vendas; e 
  • Campanhas de Google Ads e redes sociais.
 Leia também: 8 KPIs de Vendas e Marketing que os Líderes Querem ver no seu Dashboard

Como Calcular o ROI?

Como Calcular o ROI?

O cálculo é o mesmo do ROAS, mas ao invés de considerar os custos e faturamento de um único canal ou campanha de marketing, os valores são expandidos para toda a operação que está sendo analisada.

Assim, para calcular o ROI você precisa apenas colocar os valores na fórmula:

ROI Retorno sobre investimento
ROI = (receita – custo*) / custo X 100

*lembrando que receita – custo é o lucro.

Exemplo de ROI na prática

Vamos a um exemplo hipotético para facilitar a compreensão.

Pense que sua empresa obteve R$ 25.000,00 em vendas a um custo de operação de R$ 5.000,00, seu lucro será de R$ 20.000,00.

Ao dividir o lucro pelo custo teremos um ROI de R$ 4,00, quando multiplicarmos por 100, teremos o resultado percentual de 400% de retorno.

Ao colocar na fórmula ficará assim:

ROI = (R$ 25.000,00 R$ 5.000,00) / R$ 5.000,00 X 100

ROI = R$ 20.000,00 / R$ 5.000,00 X 100

ROI = R$ 4,00 X 100

ROI = 400%

Qual é a Diferença entre ROI e ROAS?

Qual é a Diferença entre ROI e ROAS?

A primeira diferença entre ROI e ROAS é a magnitude do que medem, enquanto o ROAS mede resultados específicos de mídia paga, o ROI pode ser bem mais amplo.

Ou seja, o ROAS indica a eficácia dos anúncios pagos, enquanto o ROI mede o resultado de toda a estratégia envolvida, seja o investimento em um projeto único ou não.

Vantagens de Trabalhar com ROI

Vantagens de Trabalhar com ROI

Para reforçar ainda mais a importância do ROI em sua empresa, separamos aqui alguns pontos de vantagens ao se trabalhar com essa métrica.

Confira:

  • Eliminação de Gastos Desnecessários ao saber como está sendo o seu retorno, conseguirá controlar melhor os gastos de sua empresa, investindo apenas no necessário.
  • Aumento nos Lucros se você elimina gastos desnecessários, consequentemente o seu lucro aumentará, afinal, todo o seu foco estará em projetos que darão um melhor retorno.
  • Fortalecimento da Cultura – quando você sabe analisar o seu ROI, seu foco nos resultados de seu negócio aumenta, consequentemente, seus colaboradores ficam engajados para atingi-los, além de aproveitaram a análise das métricas já estabelecidas.
 Saiba mais: Crie uma Apresentação de Resultados Eficiente com estas 10 Dicas

Entenda as Vantagens de se Trabalhar com ROAS

Entenda as Vantagens de se Trabalhar com ROAS

Por ser uma métrica voltada para campanhas específicas, o ROAS permite que você faça um planejamento de marketing muito mais aprofundado e direcionado para os resultados, sempre visando o maior retorno possível.

O ROAS permite que você entenda quais campanhas estão funcionando e quais precisam de melhoras.

 Leia também: Funcionalidades Leadster: Resultados em Tempo Real com o Dashboard de Performance

Como Melhorar os Resultados do ROAS?

Como Melhorar os Resultados do ROAS?

Aqui vão algumas dicas do que fazer para que seu ROAS tenha resultados melhores.

Confira e já as coloque em prática!

Otimize Seus anúncios para o Mobile

O número de pessoas realizando compras pelo celular vem aumentando cada vez mais, e o mobile é a principal forma que os brasileiros têm para se conectar com a internet.

Por isso, não deixe seus anúncios fora dessa ferramenta, otimize todos eles sempre pensando nas características específicas desse dispositivo.

Faça Testes

É apenas por meio de testes que você descobrirá qual a melhor forma de falar com o seu público, o que chama mais atenção e dá mais resultado.

Por isso, não economize nos testes A/B e teste diferentes criativos e abordagens em seus anúncios.

Segmente

Ao segmentar seus anúncios, as chances de alcançar um público mais qualificado tornam-se mais altas.

Dessa forma, seu ROAS terá um resultado muito melhor, já que você soube aproveitar bem o seu investimentos nos anúncios.

Faça Benchmarking

Acompanhar os seus concorrentes é uma tática essencial para o seu negócio, assim você poderá fazer diferente, produzindo anúncios melhores, e ganhar ainda mais autoridade.

Conheça sua Persona

Se você conhece bem sua persona, sabe quais são suas necessidades, possíveis dúvidas, canais que estão ativos e qual o tipo de comunicação preferem, seus anúncios se tornarão ainda mais personalizados, fazendo com que seu ROAS melhore.

Qual o ROAS Mínimo?

Qual o ROAS Mínimo?

Tanto o Facebook Ads quanto o Google Ads definem um ROAS mínimo, de acordo com orçamento destinado a uma campanha específica.

Porém, o Facebook também indica que sua empresa pode começar com um ROAS médio, ou seja, estabelecer que seu ROAS seja 100%, dessa forma, a cada real investido sua empresa terá o mesmo de retorno.

A partir disso, a própria plataforma trabalhará com essa meta, fazendo com que o retorno seja positivo.

Porém, para você ter em mãos um número exato de seu ROAS mínimo de cada campanha, basta utilizar a seguinte fórmula:

ROAS mínimo = 1 / Margem Operacional = 1/(receita – custos) / receita = Receita / Receita – Custos

Por que Trabalhar com Meta de ROAS ao Invés de CPA?

Por que Trabalhar com Meta de ROAS ao Invés de CPA?

O Custo por Aquisição (CPA), indica apenas o custo sobre as conversões de sua empresa, ignorando o ticket médio de seu negócio, condição que pode acabar penalizando os seus resultados.

O ROAS é indicado principalmente para e-commerce e variações de ticket médio.

Confira abaixo as metas de ROAS!

Meta ROAS para Iniciantes

Se você seguir a fórmula abaixo seu ROAS terá meta 3, veja:

ROAS Meta = 1 / margem do meu negócio

Meta ROAS para Intermediários

Ao chegar no nível intermediário, sua margem poderá mudar de acordo com o anúncio criado, veja:

  • Anúncio A = Margem de 33% = ROAS Meta de 3;
  • Anúncio B = Margem de 25% = ROAS Meta de 4; e
  • Anúncio C = Margem de 16% = ROAS Meta de 6,25.

Meta ROAS para Avançados

Na meta ROAS para avançados deve-se ter em mente que quanto maior o ROAS melhor, por isso, é necessário ter cuidado ao calculá-la para não haver nenhum tipo de erro e, consequentemente, prejuízos para o seu negócio.


Agora que você já sabe o que é ROI e ROAS, suas diferenças e todas as especificações, já comece a colocar essas métricas em prática no seu negócio.

Para receber mais artigos como esse, continue acessando o blog da Leadster!

Categorias: Mídia Paga

Gustavo Luby

CMO da Leadster, há 6 anos empreendendo no setor de tecnologia, apaixonado por CRO, Growth Hacking e Mídia paga.

0 comentário

Deixe um comentário

Avatar placeholder

O seu endereço de e-mail não será publicado.