Podemos ver os canais de marketing como um meio para o fim.

Ou seja, os canais atuam como pontes entre as empresas e clientes, visando sempre a melhor experiência do usuário, manter relacionamento duradouros e fechar mais vendas ao final da jornada do consumidor.

Por isso, saber quais são os melhores canais de marketing on e offline é uma etapa essencial para que sua empresa se destaque e você consiga vender mais.

Bora explorar os 13 canais de marketing que separamos aqui para você descobrir quais estratégias aplicar, dicas para aproveitar e quais os resultados pode obter!👇

O que são os canais de marketing?

Mulher usando tablet com ícones ao redor.

Como falei brevemente ali na introdução, os canais de marketing são os meios por onde as divulgações, campanhas, produtos e serviços chegam até os consumidores.

Não parando no conceito de apenas ser uma ponte, os canais de marketing são utilizados para a empresa se destacar entre os concorrentes, tendo o poder de superar as expectativas do usuário final na questão de atendimento e comunicação.

Devemos lembrar que os canais estão presentes em todas as etapas do ciclo de vendas, sendo essenciais desde o momento de descoberta até o pós-vendas.

Quais são as diferenças entre os canais de marketing?

Lista de diferenças dos canais de marketing, decorada com emojis.

Agora que já exploramos o conceito de canais de marketing, vamos às diferenças que temos dentro deles, afinal, são diferentes tipos de canais para diferentes tipos de objetivos.

Canais de comunicação

Os canais de comunicação, como o nome já diz, servem para entregar uma mensagem específica ao público-alvo

Exemplo, o conteúdo incluído em um e-mail marketing que fala sobre uma promoção de seu produto é uma estratégia do canal de marketing de comunicação, já que oferece uma mensagem específica aos destinatários, neste caso, informá-los e persuadi-los a comprar o produto.

🔎Leia também: [GUIA] O que é Geração de Demanda e por onde Começar

Canais de distribuição

Já os canais de distribuição são aqueles que representam os meios pelos quais o produto ou serviço chega ao cliente.

Podemos separar esse tipo de canal em dois grupos:

  • Direto – empresas que vendem produtos ou serviços e possuem controle total sobre a experiência do cliente, como a Apple, que vende seus produtos diretamente em suas lojas físicas e online;
  • Indireto – empresas que possuem uma ampla rede de revendedores, atacadistas e varejistas para atender ao mercado consumidor. Por exemplo, a Coca-Cola produz e distribui seus refrigerantes para varejistas e atacadistas.

Canais de serviços

Por fim, temos os canais de serviços que abordam a parte mais burocrática, por assim dizer. 

Esse canal abrange a finalização das transações comerciais, ou seja, os métodos que a empresa utiliza para receber o pagamento por seus produtos.

13 Canais de marketing para conhecer e usar

Mulher com expressão pensativa.

Agora que você já sabe o que é o canal de marketing e seus tipos, vamos aos 13 melhores que você precisa conhecer e, quem sabe, já utilizar em sua empresa!

🔎Leia também: 25 dicas de marketing digital para vender mais hoje!

SEM 

O SEM ou Search Engine Marketing, é um conjunto de estratégias (orgânicas e pagas) com objetivo de otimizar sites para deixá-los no topo das páginas de resultados em mecanismos de busca.

Sei que ele pode ser confundido com o SEO – Search Engine Optimization. Mas, na verdade, ele é o “conceito mãe” que engloba tanto SEO quanto os links patrocinados (Ads).

Para utilizar bem esse canal você precisará criar campanhas com foco em palavras-chave relevantes para o seu negócio, além de fazer um planejamento de orçamento para garantir um bom retorno sobre o investimento (ROI e ROAS).

SEO e marketing de conteúdo

Já a combinação de SEO e marketing de conteúdo é o combo de ótimos canais para a busca orgânica.

Para essa estratégia funcionar você precisará fazer um trabalho conjunto de otimização do seu site para os motores de busca e produção de conteúdo relevante para o seu público-alvo.

Dessa forma, seu tráfego aumentará e, consequentemente, mais oportunidades de vendas virão.

SMM – Social Media Marketing

Já o SMM, conhecido também como Social Media Marketing, é um canal de grande força e com bilhões de usuários – 4.74 bilhões para ser mais precisa.

Ou seja, esse é um dos canais essenciais para se estar, ainda mais se você pretende se relacionar melhor com seus consumidores, garantir uma relação próxima e duradoura, além de aproveitar para educá-los e divulgar seu produto ou serviço.

Você pode criar campanhas publicitárias nas redes, como Facebook, Instagram, LinkedIn, Twitter etc. ou também fazer um trabalho de conteúdo e engajamento

E-mail marketing

Um dos canais mais famosos não poderia ficar de fora 🤩

Com o e-mail marketing você enviar newsletters, promoções, conteúdos relacionados, divulgar novos produtos ou serviços e até mesmo realizar convites para eventos.

A partir desse canal você vai educando seu público, mantendo uma relação forte e ainda pode gerar conversões conforme os links adicionados em cada e-mail.

🤿 Se aprofunde: E-mail Marketing - Criando uma Estratégia que Converte em 8 Passos

Venda direta

O canal de marketing venda direta nada mais é do que um profissional da empresa falando diretamente com os clientes em potencial.

Esse canal é muito proveitoso para as pequenas empresas, além de ter despesas menores, já que não necessita de espaço publicitário, custos de distribuição ou outro tipo de material de marketing. 

Para que a venda direta seja bem sucedida é essencial contar com o treinamento constante dos profissionais.

A venda via catálogo, por sua vez, é um canal de marketing em que o consumidor navega por um catálogo impresso ou digital. Esse catálogo inclui preços, descrições de produtos e imagens. 

Assim que o usuário selecionar os produtos ou serviços desejados, já poderá fazer o pedido, sem precisar interagir com ninguém ou esperar respostas.

Eventos

Sim, até os eventos são um tipo de canal de marketing, afinal, esse tipo de marketing é um  meio para um fim, certo? Seja para educação, captação de leads, aumentar a visibilidade da marca ou render mais vendas.

Com o marketing de evento a sua empresa estará se comunicando com seu público de maneira personalizada, humanizada e única

Lembrando que agora você pode investir tanto em eventos presenciais como online. 😉

Varejo físico

Bom, o varejo físico é a forma tradicional que já conhecemos há tempos de venda.

Para que esse canal de marketing dê certo é importante ter uma loja bem localizada – se possível –, investir em uma boa exposição dos produtos e ter atendimento de qualidade para os clientes.

Varejo online

Já o varejo online é o canal de marketing que permite aos clientes comprar produtos ou serviços pela internet. 

Se você quer que esse canal dê bons resultados, invista em um site de qualidade, foque na experiência do clientes – não se esqueça das táticas de UX – e conte com um sistema de logística eficiente para garantir a entrega dos produtos.

Marketing indireto

O canal de marketing indireto, na verdade, incorpora vários outros canais para entregar efetivamente um produto a um consumidor. 

Quando falamos nas estratégias offline, o marketing indireto usa vários participantes, por exemplo: um fabricante pode vender para um varejista e, em seguida, o lojista expõe o produto em sua loja, onde só então o cliente vê e efetua compra. 

Já nas ações online, as empresas investem na criação de conteúdo relevante para o público-alvo, como artigos em blogs, vídeos, e-books, entre outros, visando atrair potenciais clientes e gerar vendas indiretamente.

Omnichannel

Por que usar apenas um canal quando você pode utilizar vários em sua estratégia?

O nosso Panorama de Geração de Leads mostrou que a maioria das pessoas que trabalha com marketing não usa apenas um canal. E nas vendas não seria diferente.

O omnichannel é fundamental para o cenário atual de grande concorrência e pouca atenção, porque ele integra diferentes canais de venda, como loja física, loja online e redes sociais, para oferecer uma experiência de compra consistente para o cliente em todos os canais.

Vídeos

Utilizar vídeos como canal de marketing vai aumentar suas conversões, melhorar o ROI, alcançar novos públicos e ainda ajudá-lo a construir relacionamentos com os clientes atuais.

Isso porque o vídeo traz a questão da humanização para as empresas – você dá rosto à marca – e a comunicação se torna muito mais próxima e personalizada. 

Fora isso, esse formato capta muito mais a atenção do que textos e ebooks enormes, prova disso é o próprio TikTok que prende nossa atenção com vídeos de poucos segundos.

Podcasts

Por fim, mas nem um pouco menos importante, nós temos os podcasts como canal de marketing.

Arrisco dizer que estamos na era dos podcasts, principalmente depois da pandemia de Covid-19, esse formato ganhou força mundialmente.

🙋Inclusive, segundo o Relatório Voxnest 2020 Mid Year Report – The State of the Podcast Universe, o Brasil liderou o ranking de países com maior crescimento na produção de podcasts em 2020.

A partir desse canal, você poderá produzir conteúdo em áudio sobre temas relevantes para o seu público-alvo. E, além de educá-los, você estará divulgando sua marca, gerando valor e até mesmo gerando leads ao final de cada episódio.

Quais são os melhores canais de marketing no mercado?

Não há resposta única para essa questão, porque o melhor canal de marketing do mercado será aquele que mais se adéqua às estratégias da sua empresa.

Ou seja, você terá que conhecer a fundo sua persona, analisar seus resultados, fazer uma pesquisa de mercado e também testar alguns canais de marketing para entender qual é o melhor para sua marca.

Porém, a Leadster já separou, em outros conteúdos, alguns dos melhores canais para:

Conta aqui pra gente qual desses canais você já utiliza e quais outros vai testar!

Depois que você definir seus principais canais de marketing, vai chegar o momento de colocar algumas ações em prática, certo?

Por isso, separei aqui para você o nosso conteúdo sobre: 17 campanhas de marketing criativas para se inspirar hoje! 🤯

Não deixe de dar uma olhadinha, pois esse artigo está completo e tenho certeza que você vai sair inspirado!

Categorias: Marketing digital

Beatriz Testa

Redatora na Leadster e jornalista em formação. Há 2 anos trabalhando com SEO, Marketing de Conteúdo, Hard News e muito mais!

0 comentário

Deixe um comentário

Avatar placeholder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *